Home > Economia > Recadastramento bolsa família 2014

Recadastramento bolsa família 2014

Quem possui bolsa família deve manter seus dados cadastrais em dia, por isso a necessidade de algumas vezes efetuar o recadastramento.

bolsa família recadastramentoO programa Bolsa Família, sem dúvida tem feito muita diferença na vida de algumas pessoas, principalmente daquelas com baixa renda  e que necessitam de ajuda para complementar um salário que muitas vezes é pouco, ainda mais se tiverem filhos pequenos ou ainda em idade escolar. Dentre, tantos programas do Governo Federal, sem dúvida esse foi e ainda esta sendo muito útil.

Porém, o Bolsa Família é um programa que requer recadastramento, principalmente se a pessoa muda de endereço ou emprego e salário. Pessoas que deixam de fazer o recadastramento podem ainda perder o direito ao beneficio, algumas pessoas tomam conhecimento muitas vezes de ultima hora, acabam ate mesmo dormindo próximas aos pontos de Bolsa Família nas cidades para não perder o benefício, mas isso não se faz necessário desde que fiquem atentas as normas que o programa tem.

Documentos para recadastrar no Bolsa família

Para se recadastrar no bolsa família , veja os documentos necessários:
- RG;
- CPF;
- Certidão de Nascimento ou casamento;
- Título de Eleitor;
- Carteira de Trabalho;
- Carteira de Reservista (homem);
- Comprovante de Residência;
- Certidão de Nascimento dos filhos;
- Declaração escolar;
- Comprovante de Renda (funcionário público);
- Documentos do cônjuge.

Atualmente, a preocupação dos funcionários do Bolsa Família é se certificar realmente da necessidade da pessoa de ter direito ao benefício. O mesmo é destinado à famílias que vivem em extrema pobreza, por isso que é feita uma triagem minuciosa para que não haja injustiças, por assim dizer.

Para aquelas famílias que não estão mais se enquadrando no programa, em breve poderão deixar de fazer parte do bolsa família. Por isso, é bom estar atento a esses detalhes para que você não seja pego desprevenido.

O Bolsa Família sem dúvida é um auxilio razoável a quem mais precisa, por isso, é bom que as pessoas tenham mesmo consciência de sua real necessidade do recadastramento, mesmo porque, caso as coisas mudem para melhor em termos de emprego e renda, com certeza o programa deixará de beneficiar uma família mais favorecida em prol de outra menos favorecida, nada mais justo, não é mesmo?

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>